O Safergs esteve em peso na Copa Santiago, encerrada no último domingo (26). Na tradicional competição de base, que teve o Palmeiras como campeão após vitória por 1 a 0 sobre o Juventude, o Sindicato contou pela primeira vez na história com 25 associados (15 árbitros e 10 assistentes), divididos em três equipes.

Volnei Fagundes, diretor dos árbitros da entidade, falou sobre o assunto: “Se para o clubes a Copa serve de vitrine para a revelação de futuros craques da bola, ao Safergs é uma oportunidade para que jovens árbitros e assistentes possam adquirir experiência, atuando sob os olhares de torcedores em quantidade expressiva, tendo em todos os jogos a cobertura das rádios locais e, neste ano, contando ainda com a transmissão ao vivo pela Internet, Facebook, e pela TV Brasil, expandindo as imagens para todo o Brasil”, comentou.

Fagundes aproveitou também para destacar o histórico da competição e fazer agradecimentos. “Grandes nomes da arbitragem gaúcha, como Carlos Simon, Leonardo Gaciba, Leandro Vuaden e Anderson Daronco, entres outros, passaram pelo gramado do Estádio Alceu Carvalho, servindo de exemplo aos promissores árbitros da nova geração que almejam também obter o mesmo sucesso na profissão. A Copa Santiago, que neste ano teve sua 32ª edição, serve de laboratório para que os incipientes árbitros possam demonstrar todo seu potencial e assim serem promovidos nos diversos quadros da FGF. Um especial agradecimento ao presidente do Cruzeiro Esporte Clube, senhor João Miguel Arcanjo Colpo Durgante, que não mediu esforços para atender todas as necessidades da arbitragem, contribuindo, assim, para um bom desempenho no campo de jogo”, acrescentou.

A final da Copa Santiago foi disputada por Palmeiras e Juventude. Os paulistas venceram por 1 a 0, chegando ao bicampeonato. A decisão foi conduzida pelo árbitro Rodrigo Brand, que ainda viria a receber o troféu de árbitro destaque da competição, auxiliado por Ariela Duarte da Silveira e Otávio Legramanti. Trabalharam também Marcelo Bitelbron, Fábulo Diniz e Cristiano Santos.

Com transmissão nacional através da TV Brasil, o Safergs teve a oportunidade de divulgar sua imagem perante o público. O presidente Maicon Zuge, que esteve na grande final acompanhando a arbitragem gaúcha e concedeu entrevista à emissora, ainda pôde fazer a entrega do troféu de melhor jogador da Copa ao atleta palmeirense Luan, que com cinco gols também foi o artilheiro do campeonato.