SAFERGS

Quarteto de arbitragem aprovado no difícil teste do primeiro jogo da final do Gauchão 2017

droncoooooo

Na avaliação de dois ex-árbitros, atualmente comentaristas de arbitragem, a equipe do apito e das bandeiras esteve à altura do espetáculo eletrizante em que Internacional e Novo Hamburgo empataram em dois gols diante de mais de 43 mil torcedores no Estádio Beira-Rio, na partida que marcou o início da fase final do Gauchão 2017, realizada no domingo.

Márcio Chagas da Silva, analista da RBS TV, não encontrou nenhum reparo a fazer na atuação de Anderson Daronco e seus comandados, os corretos assistentes Lúcio Beiersdorf Flor, Leirson Peng Martins e, como quarto árbitro, Eleno Gonzales Todeschini. Na opinião de Chagas, Daronco, além de ser “sinônimo de tranquilidade”, “é o melhor árbitro do futebol gaúcho na atualidade.”
Na Rádio Guaíba, na condição de comentarista convidado, Fabrício Neves Corrêa considerou “muito bom” o trabalho do quarteto de arbitragem, destacando a competência de Daronco nas questões técnicas e disciplinares, A única discordância foi em relação ao tempo de acréscimo que, na sua opinião, deveria ter dois minutos a mais.
A partida que vai definir quem será o Campeão Gaúcho de 2017 será realizada no próximo domingo, possivelmente no Estádio do Vale em Novo Hamburgo. A FGF ainda não bateu o martelo em relação a esta questão. A equipe de arbitragem sorteada na quarta-feira passada, será composta por Leandro Vuaden, Rafael da Silva Alves e Élio Nepomuceno de Andrade Junior e Anderson da Silveira Farias.

Fonte: Assessoria de Imprensa do SAFERGS
Foto: Ricardo Duarte

Faça um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>